Please reload

Portas do Almourão - um cenário de Postal

March 28, 2018

 

Apostamos que estás neste momento a pensar:

 

"Isto fica em Portugal?" 

 

E a resposta é, Siiiiiiimmmmmm! Bem na zona centro da caixinha de surpresas que é o nosso país.

 

 

A paisagem que veem na foto chama-se Portas do Almourão e são uma espécie de irmãs das Portas de Rodão que ficam em Vila Velha de Rodão.

 

E a origem do seu nome é fácil de adivinhar (tal como a paisagem indica), o Rio Ocreza abriu aquelas fragas quartzíticas que já foram o fundo de um oceano cheio de vida em outros tempos e formaram esta bela entrada, onde todos os dias passa lavando a alma de quem o observa.

 

Descobrimos este local numa tarde de Sábado em que andávamos em modo exploradoras desta zona e quando lá chegámos a nossa reação foi a mesma que a de toda a gente: "wooooow".

 

Sempre pensámos que seria apenas um miradouro para o horizonte cheio de serras. Nunca pensámos que fosse assim, este cenário parecido ao de um país nórdico.

 

 

Não achas?

 

Mas este local para além de puro, tem imensas surpresas!

 

Sim, imagina-te aqui, sentado a olhar toda esta beleza da Natureza calma e tranquila, que apenas se corrompe com a presença dos grifos.

 

 

O que são Grifos?

 

São uma espécie de ave que habita esta zona. Aliás, que faz criação nesta zona. Por isso acima de tudo temos de respeitar este local e a sua presença.

 

 (imagem não é da nossa autoria, se clicares em cima dela és direccionado para a sua origem)

 

São parecidos a uma águia mas maiores, bem maiores! Eles chegam a atingir 1 metro de comprimento e 2,7 metros com as asas abertas. Consegues imaginar? Se não, podes vir até aqui, trazer uns binóculos e observá-los perfeitamente e ao pormenor. 

 

 

Este é um dos locais ideais para a sua observação, porque as encostas são enormes e eles adoram por lá sobrevoar. Se queres ter um momento único na tua vida, aproveita um nascer do sol e observa o espetáculo de um bando de grifos a subir para os céus em forma de "balão" gigante.

 

Também aqui é possível observar a Cegonha Preta, um pouco mais pequena que os Grifos e que se distinguem pela sua barriga branca.

 

Como já referi, este é um dos locais onde os tens de respeitar por isso, se tal como eu também tens um drone pensa 3 vezes antes de o voar. Tal e qual como eu pensei, e adivinhas a minha decisão?

Não o tirei sequer da mochila.

 

Lê mais sobre esta espécie aqui.

 

 

Mas há mais surpresas!!!

 

Para além de ser considerado um Geomonumento, estar inserido na Naturtejo e ter vistas fantásticas. Há uma lenda ainda mais gulosa.

 

 

Aqui dizem que há um coche de ouro enterrado. Sim, ouro!!

 

O que é certo é que não vimos nem uma rodinha dele... Mas ainda é possível encontrar aqui ouro. 

Este era um dos locais usados pelos Romanos para exploração deste mineral, e esta atividade chegou quase aos dias de hoje havendo ainda pela aldeia alguns "Gandaieiros". 

 

 

E porque as surpresas nunca são demais olha só:

 

 

 

 

Há uns pequenos passadiços que te levam a um miradouro fantástico e com a melhor vista deste local.

 

 

O miradouro das Portas do Almourão.

 

É aqui que vais poder disfrutar das vistas fantásticas.

É aqui que vais poder respirar ar puro.

É aqui que vais fechar os olhos (depois de olhares a paisagem toda) e ouvir a natureza.

 

 

 Depois é só por a mochila ás costas e começar a descer até lá abaixo e ir aproveitando este recanto ainda pouco conhecido. :)

 

 

 

Localização

Trilhos

 

 

 

Veijinho

e Nunca Parem Quietos

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload